"[...]mas faz-nos esboçar uma realidade supra-sensível compatível com o uso experimental da nossa razão. Sem uma tal precaução, não saberíamos fazer o mínimo uso de semelhante conceito e deliraríamos ao invés de pensarmos.[...]"

22
Ago 08

 A separação entre o Criador e o universo, o Sol, a Lua, a fecundidade das espécies, e por aí fora, é uma crítica teológica das magias religiosas dessas épocas, tarefa que a aliança entre a Filosofia grega e a Bíblia no seio da teologia cristã veio a concretizar paulatinamente: pré-história da própria razão biológica.

 

Belo, Fernando. "Evolução, razão e Bíblia" in Público 22.Ago.08, p.37

escrito por José Carlos Cardoso às 23:31

Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
20
23

24
27
29

31


eu, imagem
seguir os sinais
 
blogs SAPO